Um olhar (que se pretende) diferente sobre as coisas, num mundo em que muitas vezes nos sujeitamos à ditadura do politicamente correto. Não diferente só por ser diferente mas por ser pertinente.
18 de Julho de 2013

Nunca gostei de Cavaco. Nunca votei nele. Sempre achei que a imagem de competência professoral que ganhou em Portugal destoa do profundo desprezo que o resto da Europa tem pela figura (o homem é dos chefes de estado com mais anos de exercício de poder e não  lhe conheço um amigo ou aliado europeu...). Mas, sinceramente, nunca estive mais perto de gostar. Tudo o que a criatura agora faz é imediatamente trucidado nos media... Não há partido que o apoie. As ações são sempre vistas no pior ângulo. E porque nestas coisas do jornalismo não há inocentes, começo a admirar Cavaco... 

 

 

foto tirada daqui.

 

publicado por urreivainu às 00:01
mais sobre mim
Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
19
20
21
27
28
31
pesquisar neste blog